0

10 trends and PC technologies to keep an eye on 2017

Realidade virtual, SSD mais caro, Assistentes virtuais ativados por voz, 4K e HDR e disputa AMD-Intel são alguns dos destaques da indústria deste ano

Enquanto alguns críticos gostam de apontar para PCs como dinossauros, laptops e desktops ficaram mais rápidos e inteligentes e até mais bonitos. Para cada “tela azul da morte”, há muitas e muitas melhorias tecnológicas que empurram PCs para a era da realidade virtual, 4K de vídeo e conectividade 5G.

Verifique abaixo 10 tendências e tecnologias de PC para manter o olho em 2017.

VR PCs na sua cabeça

Os dispositivos de realidade virtual (VRs) estão disponíveis em muitos tamanhos e formatos novos, com alguns deles atuando essencialmente como PCs que se encaixam na sua cabeça. Dell, Asus, Acer, Lenovo e HP lançarão fones de ouvido misto-realistas que permitirão aos usuários interagir com objetos 3D que aparecem como imagens flutuantes sobrepostas ao fundo da vida real.

Os aparelhos fornecerão um novo nível de interação entre humanos e computadores, tornando mais divertido do que nunca criar objetos 3D, jogar jogos, assistir filmes e fazer chamadas interativas com o Skype. Estes “computadores holográficos”, como são chamados, terão chips Intel, uma GPU integrada e, provavelmente, uma câmera RealSense 3D para identificar objetos, medir distâncias e fornecer novas perspectivas sobre os ambientes.

Os preços de armazenamento aumentarão

Os preços do SSD estão aumentando devido à falta de componentes, e isso pode afetar os preços dos laptops, computadores 2-em-1 e armazenamento. O Dell XPS 13, com chips Intel Kaby Lake e 512GB de SSD, por exemplo, está indisponível no momento. Outros laptops com SSD de 512 GB têm preços muito altos. A maioria dos fabricantes de PCs oferece SSDs de 128GB ou 256GB por padrão em máquinas. Então escolha o seu armazenamento com sabedoria, pois não é fácil abrir um ultra-fino 2 em 1 para substituir o SSD.

Fale com o seu PC

A disputa entre assistentes ativados por voz da Apple, Amazon e Google pode ser mais interessante no próximo ano. Os usuários poderão gritar comandos para a Cortana em PCs do Windows 10 a uma distância maior, graças a uma tecnologia chamada “reconhecimento de fala de campo distante” na qual a Microsoft e a Intel estão trabalhando.

Até então, Cortana funcionou melhor se um usuário estivesse perto de um PC, mas milhões de PCs do Windows 10 se tornarão rivais diretos do Amazon Echo com essa nova característica. Cortana pode fazer muito mais do que o Echo, como acessar informações na nuvem, conversar com chatbots, verificar e-mails e outras tarefas.

AMD e Intel

A Intel tornou-se a rainha dos PC sem demanda por mais de uma década, mas a AMD decidiu entrar na briga com seu novo processador de PC chamado Ryzen, que chegará aos computadores em 2017.

Uma rivalidade saudável entre os dois gigantes será uma boa notícia para usuários de PC, que podem optar por passar da Intel para a AMD. A AMD afirma que Ryzen é 40% mais rápido do que os chips de PC atuais, o que é impressionante no papel. As fichas irão atingir os jogos de PC em primeiro lugar, e depois os laptops e desktops mais populares até o final de 2017. Ryzen competirá com o Intel Kaby Lake no início de 2017 e mais tarde com a Cannonlake no final deste ano.

Laptops baseados em ARM do Windows (novamente) 

A primeira tentativa com PCs ARM, que executou o Windows RT, foi um belo desastre e deixou muitos usuários céticos quanto à idéia. Mas a Microsoft não desistiu da ideia, especialmente com o 5G chegando a se tornar uma realidade e a conectividade celular tornando-se essencial para PCs.

The Redmond company has announced that the PCs will be available in 2017 with ARM-based Snapdragon 835, which is primarily aimed at smartphones. Ultra-thin laptops will receive integrated modems and a long battery life with the chip. ARM-based PCs will run Win32 applications running on standard x86 PCs via emulation.

For now, no PC maker has announced ARM-based Windows computers – companies may be wary of the Windows RT fiasco. There are also other challenges. The Snapdragon is not as fast as the Intel or AMD x86 line tops, and will not support 64-bit applications initially.

Bluetooth 5

Laptops and 2-in-1 PCs will come equipped with the latest wireless Bluetooth specification 5, which is an upgrade with greater speed and range than the current and already old Bluetooth 4.2.

Bluetooth 5 will allow PCs to wirelessly communicate with devices within 400 meters – but a more reasonable range is 120 meters, analysts say. The Bluetooth 5 will transfer data at speeds of up to 2Mbps, which is twice as fast as its predecessor.

bluetooth_520.jpg

Beautiful screens, 4K and HDR

Laptops like the XPS 13 and Lenovo Yoga 910 have beautiful end-to-end displays, a feature that can be included in more laptops next year. In addition, 4K displays and HDR technology will make movies and games look great. The results include more vivid images, and TVs, cameras and monitors with support for the technology are now available.

Netflix is also adopting HDR. And an HDR standards war is mounting with DolbyVision and HBR3, but the GPU makers are supporting both. AMD expects DolbyVision to be a winner at the end of the day.

New storage and memory technologies 

Intel Optane, an ultra-fast substitute for SSD and DRAM that could unify memory and storage, can cause a radical change in the architecture of PCs.

But that will not happen for at least a few years, and initial expectations for Optane are modest. The first Optane SSDs will be on enthusiast PCs, and should cost a small fortune. Optane SSDs would have achieved speeds up to 10 times higher than conventional SSDs. Over time, Optane can replace DRAM DIMMs, with the added benefit of also being able to store data.

But these SSDs will not be on laptops next year as the uses of the technology are still being exploited. Optane is based on a technology called 3D Xpoint, which Intel developed in partnership with Micron. 3D Xpoint-based SSDs will begin shipping in 2017 under the QuantX brand.

More changes for keyboards

We’ve seen some interesting changes to keyboards this year. Apple added the Touch Bar to the MacBook, while Lenovo switched the physical keyboard through a virtual keyboard into a touch input panel for its Yoga Book. Lenovo wants to bring the virtual keyboard to more Chromebooks and 2-in-1 machines, partly because of its versatility.

The touch-sensitive input panel can also be used for drawings or annotations with a stylus pen. Lenovo is betting that users accustomed to typing on mobile devices will quickly adapt to this touch panel keyboard, while fans of physical keyboards probably will not embrace the idea.

macbookpro201602.jpg

Some connections will not go away so easily

Os fabricantes de PCs podem não ter a coragem de remover o fone de ouvido e os slots para cartões SD dos PCs agora, mas as portas USB 2.0 podem estar contando. Alguns fabricantes também podem abandonar conectores de exibição e outros com o crescimento do versátil USB-C, que pode ser usado para recarregar PCs e conectar telas, dispositivos de armazenamento e outros periféricos.

TainaraSantos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *